MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

COVID-19

Estado recebe cinco pedidos de reconsideração de bandeiras

Em 10/01/2021 às 09:34h

por Redação JM

Estado recebe cinco pedidos de reconsideração de bandeiras | COVID-19 | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Foto: Divulgação

O mapa preliminar da 36ª rodada do modelo de Distanciamento Controlado recebeu cinco pedidos de reconsideração, contabilizados até as 6h deste domingo, 10. Os recursos encaminhados por associações regionais e municípios são de locais classificados em vermelho que almejam a bandeira laranja. 

Na sexta-feira, 8, após a divulgação da classificação preliminar, a Prefeitura de Bagé informou que o departamento jurídico já prepava recurso, pleiteando a bandeira laranja. Caso não seja aceito, o Executivo adiantou que deve adotar o sistema de cogestão. 

O Rio Grande do Sul ficou quase todo vermelho na classificação prévia divulgada na sexta-feira, com 19 das 21 regiões Covid com alto risco epidemiológico (o que inclui a região de Bagé, antes classificada na bandeira preta) e apenas duas regiões – Ijuí e Santa Rosa – com risco médio, na bandeira laranja.

Os pedidos de reconsideração serão analisados pelo Gabinete de Crise e o mapa definitivo será divulgado no site do governo do Estado às 16h30 de segunda-feira, 11. A vigência das novas bandeiras será de 12 a 18 de janeiro.

Caso a classificação prévia seja mantida, as 17 regiões em bandeira vermelha que aderiram ao sistema de cogestão regional podem adotar os protocolos próprios compatíveis até o nível de restrição da bandeira laranja. Este é o caso de Bagé. Guaíba e Uruguaiana estão em vermelho e não aderiram à cogestão, portanto, devem seguir os protocolos determinados pelo Estado.

As regiões de Ijuí e Santa Rosa, classificadas em laranja, que estão na cogestão, podem utilizar protocolos de bandeira amarela, se estiver previsto no plano de cogestão.

Caso ainda não tenham sido enviados protocolos ou o plano regional não esteja vigente, o governo abre possibilidade de recepção imediata de padrões mais flexíveis até a bandeira imediatamente inferior, sem esperar prazo de 48 horas para submissão e validade de novo plano regional.

Galeria de Imagens
Leia também em COVID-19
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 99107-9279

plantao@jornalminuano.online
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

comercial@jornalminuano.online
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

central@jornalminuano.online