MENU

Identifique-se!

Se já é assinante informe seus dados de acesso abaixo para usufruir de seu plano de assinatura. Utilize o link "Lembrar Senha" caso tenha esquecido sua senha de acesso. Lembrar sua senha
Área do Assinante | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler

Ainda não assina o
Minuano On-line?

Diversos planos que se encaixam nas suas necessidades e possibilidades.
Clique abaixo, conheça nossos planos e aproveite as vantagens de ler o Minuano em qualquer lugar que você esteja, na cidade, no campo, na praia ou no exterior.
CONHEÇA OS PLANOS

Esportes

Bagé massacra Riopardense com elástico 13 a 0

Em 21/11/2020 às 17:32h
Yuri Cougo Dias

por Yuri Cougo Dias

Bagé massacra Riopardense com elástico 13 a 0 | Esportes | Jornal Minuano | O jornal que Bagé gosta de ler
Zulu anotou hat-trick na goleada - Foto: Yuri Cougo Dias

Enfim, uma vitória, e com um elástico no saldo de gols, que pode ajudar muito lá na frente. Pela terceira rodada da Copa Ibsen Pinheiro, o Bagé massacrou o Riopardense, pelo placar de 13 a 0, na tarde deste sábado (21), no estádio Pedra Moura. Destaque na goleada para o centroavante Zulu, que balançou a rede três vezes, anotando um “hat-trick”. Com o resultado, o jalde-negro chega a quatro pontos e volta a brigar pelas primeiras colocações do grupo B da Copinha.

A construção da goleada

Com uma formatação no 4-2-4, o Bagé explorou, constantemente, lançamentos nas costas da linha defensiva do Riopardense, que apresentava diversas fragilidades. O placar foi aberto já aos quatro minutos. Andrei fez ótimo lançamento para Wallan Luan, que recebeu na meia-lua, nas costas dos volantes, e deslocou na saída do goleiro: 1 a 0 Bagé.

Com as fragilidades explícitas, o jalde-negro seguiu investindo nas ligações direitas, mas, na maioria das vezes, agia de forma afobada no último passe. Por outro lado, o adversário sequer incomodava a goleira de Matheus Kertsner.

O segundo gol veio aos 27 minutos. Pepeto arrancou pelo lado esquerdo e cruzou rasteiro para Zulu que, bem colocado, desviou para o gol: 2 a 0.

Aos 45, o Bagé passou a transformar o placar em goleada. Raphinha Thomaz levantou para a área e Zulu fez, de cabeça, seu segundo na partida: 3 a 0.

Aos 51, ainda teve tempo de sair o quarto gol. Wallan avançou pela direita, cruzou rasteiro. O zagueiro do Riopardense se atrapalhou, furando ao tentar interceptar, e Andrei, que não tem nada a ver com isso, aproveitou a bobeira e estufou as redes: 4 a 0.

Mais gols no segundo tempo

Já com um minuto do segundo tempo saia o quinto gol. O atacante Vinícius, que entrou no intervalo, deu uma assistência para Zulu, que fez o seu terceiro gol, fechando a tarde com um “hat-trick”: 5 a 0.

Aos 12, em cobrança de pênalti, Wallan Luan guardou mais um: 6 a 0. Apenas um minuto depois, Vinícius recebeu pelo lado direito, cortou para o lado e chutou rasteiro no canto do goleiro: 7 a 0.

Aos 27, Luiz Eduardo, que saiu do banco de reservas, também deixou sua marca, ao receber livre na entrada da área: 8 a 0. Aos 31, Luiz Eduardo, recebeu cruzamento preciso de Índio e fez de peixinho mais um: 9 a 0.

Tinha espaço para mais. Aos 38, Bruno Vidal recebeu tranquilo na área e fez o seu: 10 a 0. Um minuto depois, em trapalhada da defesa adversária, Vandinho anotou o seu: 11 a 0.

Aos 40, nova lambança na área, e Samuel, outro que tinha saído do banco, também deixou seu nome na história do jogo: 12 a 0. E ele queria mais: aos 43, Samuel recebeu cruzamento rasteiro e guardou de novo: 13 a 0.

 

 

FICHA TÉCNICA

BAGÉ 13 X 0 RIOPARDENSE

Copa Ibsen Pinheiro – 3ª rodada

21 de novembro de 2020 – Sábado

Estádio Pedra Moura

 

BAGÉ – Matheus Kertsner, Julio (Vinícius), Luan, Yuri e Pepeto; Silas, Índio, Raphinha Thomaz (Bruno Vidal), Wallan Luan (Luiz Eduardo) e Andrei (Samuel); Zulu (Vandinho). Técnico: Claiton dos Santos.

RIOPARDENSE – Canabarro, Peixe (Pedro), Tabata, Lucas Lima e Kekel; Alexandre, Arnoldo (Gabriel), Gross (Marcos), Lu e Sander (Ezequiel); Gavski (Renan). Técnico: Carlos Alberto Estevão.

ARBITRAGEM – Wagner Silveira Echevarria, auxiliado por Glederson Telles de Almeida e Bruno Francisco Moreira. Geovane Luis da Silva (4º árbitro) e Paulo Ricardo Soller Camacho (delegado).

GOLS – Zulu (três vezes), Wallan Luan (duas vezes), Luiz Eduardo (duas vezes), Samuel (duas vezes), Andrei, Vinícius, Bruno Vidal, Vandinho - Bagé

AMARELOS – Silas, Yuri (Bagé); Lucas Lima, Alexandre e Gavski (Riopardense)

Galeria de Imagens
Leia também em Esportes
PLANTÃO 24 HORAS

(53) 9 99719480

plantao@jornalminuano.online
SETOR COMERCIAL

(53) 3242.7693

comercial@jornalminuano.online
CENTRAL DO ASSINANTE

(53) 3241.6377

central@jornalminuano.online